Segurança cibernética: antes de um ataque

Segurança de informações

A exposição digital de empresas e de seus clientes deu vazão a uma área crítica para o sucesso nos dias de hoje: a capacidade de proteger dados online. Na Sysdata, acreditamos que a cibersegurança será o tema da próxima década no mundo dos negócios. Inúmeras estatísticas e tendências dão suporte a tal prognóstico – mas, de um modo simplificado, podemos afirmar que, uma vez que todos de algum modo dependem cada vez mais da internet e de suas facilidades, este assunto é um dos desafios mais universais e democráticos da era digital.

De fato, sem garantir a segurança das informações, das transações e das pessoas envolvidas, as empresas de qualquer ramo de negócios terão vida curta. Por exemplo, uma tendência que já se desenha com nitidez é o surgimento de entidades que passarão a classificar o grau de confiabilidade das empresas quanto à segurança de informações online – isso, claro, influenciará o cliente na hora de decidir comprar ou fazer negócios com determinada organização.

Por tudo isso, aqui no blog Sysdata temos dado o merecido destaque a este tema. Recentemente, iniciamos uma série de cinco posts sobre os principais desafios da segurança na era digital.

No artigo de hoje, damos sequência ao segundo post da série e destacamos o que pode ser feito a título de prevenção para evitar um ataque do cibercrime. Quais medidas podem ser tomadas pelas empresas de modo a reduzir as chances de ser vítima? Neste post, mostraremos algumas das mais modernas e sofisticadas soluções de segurança à disposição no mercado. Então, continue a leitura e saiba mais!

Quatro ferramentas que mostram que mais vale prevenir

Já lá se vai o tempo em que apenas instalar um simples antivírus era suficiente para estar protegido de um ataque cibernético. Atualmente, o nível de risco e a complexidade das ameaças exigem alternativas muito mais robustas.

Vejamos em detalhe o que pode ser feito antes de um ataque em termos de prevenção. Destacamos abaixo quatro ferramentas de ponta oferecidas pela Cisco e apresentamos o que elas podem fazer pela sua empresa.

Cisco AnyConnect: mobilidade e segurança

Com esta tecnologia, você poderá permitir que os seus colaboradores trabalhem de forma segura, em qualquer lugar e a qualquer momento, usando notebooks da empresa ou mesmo dispositivos móveis pessoais. O AnyConnect simplifica o acesso aos endpoints e deixa a sua empresa protegida em qualquer lugar.

Além disso, esta ferramenta oferece flexibilidade única. Quer você precise de VPN básica, postura, proteção de roaming ou visibilidade de rede, o AnyConnect tem algo a oferecer. Com ele, você pode implementar apenas os recursos de que mais precisa, e a escalabilidade permite atender desde 25 até 100.000 usuários no total. 

Umbrella Roaming: segurança 100% do tempo

Dados do SANS Technology Institute, indicam que 49% da força de trabalho é móvel e não está protegida; 22% dos links de email mal-intencionados são clicados quando em roaming. Malwares inativos durante o dia e ativos à noite e nos fins de semana tornam as empresas mais vulneráveis – e os criminosos sabem disso.

É preciso levar em conta que mesmo os Next Generation Firewall (NGFW) são impotentes para cerca de 25% do tráfego online. Assim, nem todo o tráfego de todas as portas é monitorado. O Umbrella Roaming é a solução para o problema, sendo totalmente integrado ao AnyConnect para Windows ou Mac OS X.

Trata-se de um serviço de segurança oferecido diretamente na nuvem para os NGFW. Ele bloqueia solicitações de domínio e respostas de IP à medida que as consultas de DNS são processadas. Ao reforçar a segurança, as DNS-layers não são estabelecidas e os arquivos não são baixados.  Mesmo quando estiver com a VPN desativada, ele oferece proteção contínua contra malware, phishing e retorno de chamadas de comando e controle onde quer que os usuários estejam, sem ser necessário recorrer a outros meios.  

Cisco AMP para Endpoints: detecta até mesmo aquele 1%

Sabe os antivírus e aquelas ferramentas de endpoint que confessamente bloqueiam “99% das ameaças”? Então, e aquele 1%?

O Cisco Advanced Malware Protection (AMP) para Endpoints traz a solução para uma lacuna que pode causar tanto estrago quanto o restante da percentagem – os 99%. Ele impede todas as ameaças no ponto de entrada, além de rastrear cada arquivo deixado nos endpoints. Com mecanismos de prevenção e inteligência de ameaças baseada na nuvem, esta tecnologia detecta até mesmo as ameaças mais avançadas, inclusive malware e ransomware sem arquivos.

Além disso, o AMP reduz drasticamente o tempo de investigação e correção, ao fornecer o escopo e o histórico completo das ameaças, corrigindo o ambiente de forma eficiente em apenas alguns cliques.

Mecanismo de serviços de identidade: segurança automatizada

Com os Identity Services Engine da Cisco, você pode contar com toda uma plataforma de gerenciamento de políticas de segurança capaz de automatizar e reforçar o acesso seguro com base nos recursos de rede. A tecnologia oferece mais visibilidade para usuários e dispositivos de modo a responder às necessidades de mobilidade das empresas e controlar os diferentes acessos. A palavra de ordem com esta ferramenta é otimização dos recursos de identificação, mitigação e correção de ameaças.

Por exemplo, é possível simplificar as experiências dos usuários de modo a agilizar a aprovação de usuários convidados. Os portais de usuários convidados podem ser personalizados de um modo ágil, que permite o uso de marcas. Assim, é possível liberar o acesso em apenas alguns minutos.  

O gerenciamento de políticas de acesso pode ser centralizado, oferecendo um acesso confiável e mais seguro a usuários finais, independentemente de eles estarem conectados via acesso com ou sem fio ou VPN. Além disso tudo, a ferramenta também conta com login único adaptável a dispositivos agrupados por controle de identidade.

Mostramos neste post quatro excelentes soluções voltadas para a prevenção de problemas. Mas o que fazer se, após uma falha ou mesmo erro humano, a sua empresa acabar por ser mais uma vítima do cibercrime? Como bloquear esse ataque e minimizar seus efeitos? Isso é assunto para o nosso segundo artigo desta série. Cadastre-se agora mesmo para não perder o próximo post!

Em parceria com a Cisco, a Sysdata está preparada para oferecer proteção de última geração ao seu negócio. Aproveite a sua visita ao nosso blog e entre em contato conosco para uma avaliação agora mesmo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *